O que eu aprendi em Novembro: Como recomeçar do zero!

Certo dia do mês de Outubro recebi uma ligação e não atendi – não costumo (costumava) atender números não identificados. Até que ligaram para o meu residencial e eu atendi. A pessoa do outro lado da linha disse que havia me ligado 3 vezes no celular, que eu não havia atendido e se eu poderia falar (confesso que fiquei meio constrangida 1) quem é você para dizer que me ligou e eu não atendi se eu nem te conheço? 2) por que eu tenho essa mania de não atender o celular?

Era do RH de uma empresa que havia posto currículo há uns 5 meses. A decisão foi imediata, sem pensar muito (na verdade, enquanto eu falava com o cara pensava se realmente queria lidar com um recomeço, com gente e sair de casa – para quem não sabe fiquei 3 anos trabalhando no conforto do meu home office).

O que me deu mais alegria é que ele me ligou e no meio do processo até que eu de fato começasse a realizar o treinamento havia um feriado e ao invés de começar em uma segunda feira foi na terça que meu dia útil – para recomeçar – iniciou!

Me dêem um desconto de 1) eu trabalhava em casa e tinha os meus horários e via o mundo passando pela janela, e as maritacas e as estações. 7 dias da semana em casa. 2) falava com as pessoas confortavelmente por e-mail e whatsapp. 3) eu tenho um certo receio de recomeçar – apesar de que esse receio me causa um motivo condutor chamado entusiasmo que é maior que o medo em si.

Terça feira às 15h estava na empresa, perdida mas desde já fazendo piada que as pessoas não entendiam. 1) me dêem um desconto que mencionei Mean Girls como ter que usar roupa rosa as quartas, e eu lidei 3 anos com pessoas que riam automaticamente disso. Boa parte do tempo fiquei na borda dos relacionamentos para não me acharem muito estranha. Desde já ganhei apelidos e fofurices de quem não crê na minha idade e diz que eu pareço uma boneca que precisa de muito cuidado. Com total gentileza tentei, em vão, falar nas voltas para casa que não era bem assim… Até que desisti e fiquei observando (uma das coisas que eu aprendi: Observe e não fale muito.).

2. As pessoas não precisam te aceitar e nem você aceitar a elas, mas guarde o que você acha sobre elas para si mesmo.

3. De verdade mantenha a cordialidade e generosidade. Permaneça serena e sorrindo.

4. Faça o teu. Isso eu aprendi com a pessoa que ministrou o curso. Não olhe para os lados, não dê ouvidos aos que já trabalham lá dentro. Foco no seu trabalho e muito amor no coração (oin hahah!)

5. Eu até falei demais mesmo, me abri demais mesmo e não me arrependo por que até aí eu descobri que não teria que tê-lo feito, e isso não é arrependimento é aprendizado.

6. Ouça os conselhos e principalmente filtre as palavras (mas isso recordei da Carmem, uma amiga antiga que vivia repetindo isso. Até que um dia ecoou na mente, e é esse o momento!).

Em resumo, aguentem mais um parágrafo extenso, eu sou outra pessoa. Não imaginava a força que tenho e nem a paixão que tenho pelo ser humano e suas relações. Posso não amar a pessoa mas gosto de observar as relações até que eu possa deixar que ela invada de vez o meu mundo. Parece muito romanceado – de romance, no caso comédia – falar assim de uma experiência profissional; mas o que eu posso fazer se eu sou assim? Só estou mesmo tendo que aprender a lidar com a razão e questionar a todo instante a voz que existe na minha cabeça dizendo que: Você não vai conseguir. Suas bolas que eu não irei. Se eu cheguei até aqui essa é a minha chance de aprender um pouco mais e entre um intervalo e outro conhecer as pessoas que conviveram comigo em um mês de treinamento e que me ensinaram pra caramba, mas eles não precisam saber disso, eles entenderão!

Que venha minha primeira semana útil de Dezembro e deixo aqui um beijo a todos que indireta e diretamente disseram na minha cara que eu não conseguiria, e a todos que me apoiaram que Deus lhe dê em dobro <3

Anúncios

Um comentário sobre “O que eu aprendi em Novembro: Como recomeçar do zero!

  1. Fico muito feliz em vê-la recomeçando. Acredito que a vida é feita de pequenos e grandes recomeços e o que nos faz ir pra frente e perceber que esse é um processo natural da vida, é assim que ela anda.
    Um ótimo recomeço pra vc.
    Bjus e carinhos, fica com Deus!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s