Carta aberta ao meu primeiro amor.

thisisnotalovestoriehavia uma data marcada para nos encontrarmos e isso é bem louco. alguém me perguntou como estava meu coração e dois meses depois nos conhecemos. mas você sabe que eu te esperava desde o início de 2009. você tem uma história de sucessão de términos e recomeços rápidos, e eu fui um recomeço rápido, não diríamos que duraria tanto tempo, mas eu acho que você quis aprender um pouco, e eu quis amar. obviamente que eu fui amada de volta. e eu sei que continuo sendo amada. foram inúmeras vezes em que eternizamos sentimentos em músicas, pôr do sol, viagens, pegar de mão de supetão, de beijo no muro que hoje não existe mais, de olhar nos olhos e nos enxergar ali e de eu e você termos encontrado nesse mundo alguém que podemos ser nós mesmos, das esquisitices ao melhor de nós mesmos.

655423_love-film-quotes-zooey-deschanel-500-days-of-summer-joseph-gordon-levitt-zooey-deschanel-gif-tom-hansen-summer-finn-joseph-gordon-levitt-gif-500-days-of-summer_200s

comparo a sensação de termos namorado à primeira vez que comi torta alemã. eu sabia que aquela sobremesa seria a minha preferida. eu sabia que a nossa história seria segura. não há até o momento sensação que supere acordar e saber que existe alguém nesse mundo que está com você, e também acordar 5:30am com um beijo de bom dia. de repente você quis transformar a nossa relação na melhor relação pra mim, e obrigada, deu certo!

um dos sintomas de que amei é ser pega de surpresa por lembranças tão vivas que as posso sentir. é lembrar de você quando olho uma nuvem, ou paro no meio da rua e fico sentindo o vento passar por mim. é tentar desvincular a sua imagem de boa parte daquilo que existe em mim. é querer recomeçar mas ter medo de chorar e ter que explicar.

14421297

mas acabou. acabou mesmo. só resta as lembranças e as sensações bem vivas. nenhuma peça de roupa. nenhum cheiro. nada. só essa estrada e faz calor, da mesma forma que nos conhecemos, no Verão. que venha logo o Outono? é amor, não é estação. a não ser aquele metrô que você pegou e disse ‘você vale à pena’. foi a última vez que a gente amou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s